Blog Manancial Jovem - Um Giro de Notícias

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

0 Netinho comenta episódio em que agrediu a ex-mulher: "Não tem santo nessa história"


Netinho de Paula abriu as portas de sua casa, na Grande São Paulo, para a equipe do Domingo Espetacular, e falou das polêmicas que enfrentou na carreira e na vida pessoal, como a agressão contra a ex-mulher e o conturbado namoro com a atriz Taís Araújo.R 7

0 Vírus do ebola pode ter ficado mais contagioso, advertem cientistas









Cientistas que acompanham a evolução do surto de ebola na Guiné dizem que o vírus sofreu uma mutação e pode ter se tornado mais contagioso.Mais de 22 mil pessoas foram infectadas com o ebola e 8.795 morreram na Guiné, Serra Leoa e Libéria.

Pesquisadores do Instituto Pasteur, na França - os primeiros a identificar a epidemia, em março -, começaram a analisar centenas de amostras de sangue de pacientes de ebola. Eles monitoram as mutações do vírus e tentam descobrir se o ebola está sendo transmitido mais facilmente de pessoa para pessoa."Sabemos que o vírus está mudando bastante", disse à BBC o geneticista Anavaj Sakuntabhai. "Isso é importante para o diagnóstico (de casos novos) e para o tratamento. Precisamos saber como o vírus (está mudando) para fazer frente ao nosso inimigo."

Mutações em vírus ao longo do tempo não são incomuns. O ebola é um vírus de RNA - como o HIV e a influenza (gripe) - que têm uma elevada taxa de mutação. Isso o torna mais apto a se adaptar e aumenta o potencial de contágio.

"Identificamos vários casos que não têm nenhum sintoma, casos assintomáticos", disse Sakuntabhai.

"Essas pessoas podem ser as que mais transmitem o vírus, mas ainda não sabemos. Um vírus pode passar por uma mutação e se tornar menos mortal mas mais contagioso - isso é algo que nos deixa com medo."

'Questão de números'
Mas a maior incidência de pacientes assintomáticos no atual surto de ebola não é necessariamente uma prova conclusiva de que o vírus se tornou mais contagioso, diz o professor Jonathan Ball, virologista da Universidade de Nottingham.

"Poderia ser simplesmente um jogo de números: quanto mais infecções na população em geral, obviamente veremos mais infecções assintomáticas", argumenta.

Outra preocupação é que, com mais mais tempo e mais "anfitriões" para se desenvolver, o ebola sofra mutações que lhe permitam ser transmitido pelo ar. Porém, não há nenhuma evidência para sugerir que isso está acontecendo. O vírus só é transmitido por meio do contato direto com fluidos corporais de pessoas infectadas.G 1

0 Inflação do aluguel acelera em janeiro e acumula alta de 3,98% em 12 meses

que mede os preços no atacado e é utilizado no cálculo do IGP-M, desacelerou, de 0,63% para 0,56%.

Também usado no cálculo do IGP-M, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC), conhecido como a "inflação do varejo" registrou variação de 1,35%, em janeiro, ante 0,76%, em dezembro, com seis das oito classes de despesa registrando aumento. A principal contribuição partiu do grupo alimentação (de 0,85% para 1,66%).

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC), que também entra nas contas do IGP-M, mas com peso menor do que os outros indicadores, registrou alta de 0,70%, acima do 0,25% de dezembro.

0 Durante evento, prefeito de ST pede desculpas à população pelos últimos 2 anos de governo

O prefeito da Capital do Xaxado, Luciano Duque (PT), admitiu que teve os dois primeiros anos de governos conturbados e difíceis. E pediu desculpas à população em entrevista à rádio Cultura FM, durante evento, nessa quarta-feira (28), de entrega de 30 mil alevinos à barragem Cachoeira II, na zona rural do município.

Luciano voltou a repetir o mantra de que Serra irá receber milhões de reais conseguidos por seus correligionários do PT no Congresso Nacional, inclusive, para construir a promessa de campanha do governador Paulo Câmara (PSB) para Serra Talhada: o Hospital do Sertão. O prefeito aproveitou também para alfinetar o seu antecessor, Carlos Evandro, lamentando a herança de dívidas que recebeu e disse que iniciou uma nova fase do seu governo em 2015.

“Muitas novidades virão e posso anunciar que ontem (27) foi anunciado a emenda coletiva de R$ 150 milhões para o Hospital Regional do Sertão. Foi anunciado uma emenda de Humberto Costa no valor de R$ 1 milhão para fazer o projeto arquitetônico desse mesmo hospital. Uma emenda de Pedro Eugênio de R$ 2, 5 milhões. Uma emenda de João Paulo de R$ 500 mil… tudo pra saúde. Então a gente passou um momento difícil e peço desculpas ao povo de Serra Talhada porque tivemos dois anos de governo com muitas dificuldades e estamos começando a colher os resultados daquilo que nós plantamos”, disse Duque, se lamentando:

“Foram dois anos de dificuldades pela herança que nós recebemos, pelo débitos que tivemos que assumir, mas não podemos olhar pra trás e estar culpando ninguém. Não poderia deixar os funcionários da prefeitura sem receber os seus salários… como muitos que passaram na prefeitura. Honrei os compromissos e estou aqui hoje iniciando uma nova fase no terceiro ano de governo, trazendo investimentos importantes para o desenvolvimento da nossa cidade”.farol de noticias
MANACIAL. Tecnologia do Blogger.